Início
JÁ É LEI
15/02/2019
Programas habitacionais devem reservar 5% de moradias às mulheres vítimas de violência doméstica
As mulheres vítimas de violência doméstica ou que tenham sido ofendidas por tentativa de crime de feminicídio têm privilégios nos programas habitacionais do município graças à lei de autoria do vereador Dr Xavier (PTC).

Conforme explica o vereador, a lei — aprovada e sancionada em 2018 — respalda os anseios da classe feminina ultrajada por uma série de violências durante décadas, principalmente as praticadas no âmbito doméstico. 

“Agora, as mulheres podem contar com esse dispositivo auxiliar, cuja finalidade é garantir o próprio teto, e não precisaram se submeter a serem subjugadas e maltratadas verbalmente e fisicamente sem ter para aonde ir”, disse Xavier. 

De acordo com a Lei, ficam destinados 5% do total de moradias populares construídas com recursos próprios da Prefeitura de Cuiabá ou adquiridas via convênios com o Poder Público, ou com a iniciativa privada a todas as mulheres vítimas de violência nos termos da Lei 11.340/2006. 

Segundo o parlamentar, caracterizam-se como violência doméstica e familiar, para efeitos da lei, as mulheres submetidas a maus-tratos distintos, a exemplos de lesões físicas, cárcere privado, violência física, psicológica, sexual, inclusive estupro conjugal, violência moral e patrimonial, atos praticados por maridos, parceiros ou companheiros.

“Muitas mulheres são silenciadas pela imposição dominadora do agressor, o que deixa as mulheres em situação de desamparo total, sem meios de manter distância de quem as maltrata costumeiramente”, finalizou.



Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
22/05 - Pessoas com cirurgia bariátrica têm o direito de prato reduzido com valor proporcional
16/05 - Dia do Gari é comemorado dia 16 de maio
07/05 - Lei desobriga a autenticação de documentos em cartório
23/04 - Uso de faixa de ônibus é compartilhado com transporte de emergência e individual de passageiros
15/04 - Lei municipal visa proteção aos idosos que são vítimas de maus tratos
02/04 - Primeira semana de abril é direcionada a conscientização e reflexão sobre autismo
29/03 - Semana de conscientização à violência contra a mulher é lei em Cuiabá
27/03 - Já é lei em Cuiabá: semana de apoio às mulheres vítimas de câncer de mama
21/03 - Lei estabelece a “Parada Segura” para mulheres usuárias do transporte coletivo na Capital
18/03 - Já é lei em Cuiabá um mês voltado para o combate ao feminicídio
12/03 - AGORA É LEI -Concessionárias não podem cobrar taxa de estacionamento dos usuários
07/03 - Março laranja, mês de Combate ao Bullying é lei em Cuiabá
27/02 - Negros e índios possuem cota de 20% nos concursos públicos em Cuiabá
20/02 - Desfile de blocos na Sapofolia marca abertura do carnaval cuiabano neste sábado
11/02 - Lei estabelece igualdade em premiação esportiva entre homens e mulheres
06/02 - Moradores de ruas sem saída podem solicitar o fechamento de vias
29/01 - VOCÊ SABIA – Pessoas com deficiência pode participar de corrida de rua gratuitamente
18/01 - Vereador alerta para doenças transmitidas por pombos
14/01 - Sancionada lei de autoria de Marcelo Bussiki que autoriza contribuição voluntária à causa animal
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:30hs às 13:30hs.