Início
NOTÍCIAS
14/07/2021
Mulher trans pede apoio de vereadores para aprovar projeto transexualizador
Da assessoria
Hadassah foi convidada pelo vereador para falar na Tribuna Livre
Hadassah Luz foi convidada pelo vereador Sargento Vidal para expor algumas situações de risco que vivem as pessoas trans 
 

O vereador Sargento Vidal (Prós) convidou a jornalista Hadassah Luz, que é uma mulher trans, para expor, durante a Tribuna Livre da sessão ordinária desta terça-feira (13/07), na Câmara de Cuiabá, algumas situações de perigo na questão da saúde que muitas pessoas trans passam em seu dia a dia com automedicações, suicídios, automutilações, entre outros fatores.

Vidal ainda aproveitou para convidar os parlamentares e o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) para participarem da Audiência Pública que será realizada nesta quarta-feira (14/07), às 14h, ao vivo no Facebook, Youtube e site da Câmara de Cuiabá, onde será debatido o Projeto de Lei que busca habilitar o Hospital Municipal de Cuiabá junto ao Ministério da Saúde como ambulatório e hospital para tratamento transexualizador para pessoas trans e travestis tendo como convidados técnicos da saúde e pessoas do segmento LGBTQIA+. Ele pediu apoio dos colegas para que olhem com sensibilidade para estas pessoas que vivem diariamente em uma situação de risco.

“Hoje eu trouxe aqui uma mulher trans, a senhora Hadassah Luz para falar sobre os problemas que enfrentam os LGBTQIA+ aqui em Mato Grosso e amanhã, pedi e essa Casa aprovou, será realizada uma Audiência Pública sobre este mesmo tema, ouvindo 12 pessoas já devidamente inscritas, inclusive, com participante de fora do Estado. São técnicos de saúde e pessoas trans que vivem essa situação. Então, é de extrema importância essa Audiência Pública e quero convidar a todos os vereadores para se fazerem presentes de forma online. É de extrema importância que o nosso prefeito venha a habilitar o HMC junto ao Ministério da Saúde para que possamos atender de forma humana e igualitária todos os segmentos do LGBTQIA+”, finalizou.

Em sua fala, Hadassah destacou que o Brasil é o país que mais mata pessoas trans no mundo e Mato Grosso é o estado mais violento no país quando se fala em transgêneros e que a expectativa de vida dessas pessoas é de 35 anos.

“Eu tenho 34, será que daqui seis meses estarei viva para lutar por algo melhor? Creio que essa luta, essa dor não é só minha, pois muita gente sofre com o abandono. Muitas vezes acabam se colocando em situações de risco com a automedicação que pode causar inúmeras doenças como câncer, trombose e várias outras que se eu fosse elencá-las passaria o dia inteiro aqui, pois a lista é extensa. Então eu gostaria muito de pedir o apoio de todos vocês nessa luta que o vereador Sargento Vidal abraçou, ele tem sido nosso representante agora nesse segmento”, destacou.

Hadassah iniciou o seu processo de transição há um ano e meio por conta própria devido à pandemia e por não conseguir acesso a consultas e exames, a jornalista passou a se automedicar baseada em informações que buscou com outras trans que conheceu em seu trajeto e que passam pela mesma dificuldade de não ter um atendimento adequado na Saúde.

Luana Valentim/Gabinete Vereador Sargento Vidal



Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
28/11 - Câmara conclui a implantação da DCTFWeb
28/11 - Câmara vota pauta com 10 itens em Sessão Ordinária
28/11 - Vereadores de Cuiabá aprovam projetos de lei e pareceres na sessão desta terça-feira
28/11 - Em reunião ordinária CCJR delibera sobre 13 processos nesta quarta-feira
28/11 - Carta de ambientalistas a governo Lula é tema de tribuna livre
28/11 - Sargento Joelson entrega título de cidadão cuiabano à Edmilson Maciel da Banda Terra
24/11 - Nota de Pesar | Izabel Silveira Samaniego
22/11 - 5º Mutirão da conciliação promovido pelo vereador Rodrigo Arruda vai até quarta-feira
22/11 - Vereador Sargento Joelson entrega títulos de cidadão cuiabano
22/11 - Praça do Pedregal recebeu a segunda edição do evento Família na Praça, promovido pela vereadora Michelly Alencar.
21/11 - Nota de Pesar| Massayoshi Tada
21/11 - Nota de Pesar| Dr. Nadim Amui Júnior
21/11 - Semana da Consciência Negra encerra-se com atividades em escola
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:00hs às 18:00hs.