Início
NOTÍCIAS
10/05/2007
Representante de Grupos de Idosos cobra lanche para entidades
Secom CâmaraCbá/Fablício Rodrigues
Lutero Ponce recebe grupo de idosos
A suspensão no fornecimento de lanche para os grupos de idosos de Cuiabá foi tema de debate na Câmara Municipal de Cuiabá, durante a sessão ordinária desta quinta-feira (10). A convite do presidente da Casa, vereador Lutero Ponce (sem partido), a presidente da União Cuiabana das Associações de Grupos de Idosos, Francisca Ferreira da Silva, falou na Tribuna Livre sobre a situação das entidades.

Segundo Silva, em janeiro deste ano a Secretaria Municipal de Bem Estar Social suspendeu a entrega das bolachas que eram distribuídas nas costumeiras reuniões semanais dos grupos de idosos. “Não houve reunião com os coordenadores das entidades. A decisão foi tomada por critério da secretaria, sem ouvir a outra parte interessada”, reclamou.

De acordo com Silva, o lanche é importante porque são desenvolvidas atividades recreativas nas reuniões. “Nestes encontros nós costumamos dançar e conversar. Os idosos carentes não têm condições sequer de levar água para hidratar o organismo”, frisou.

A Secretaria de Bem Estar Social alega que a alimentação é fornecida pelos Centros de Convivência, situados nos bairros Porto, CPA III e Novo Horizonte. “Os representantes da secretaria também disseram que há grupos formados por pessoas de má-fé, que não distribuem o lanche para os idosos”, disse Silva, ressaltando que a secretaria deveria enviar assistentes sociais para inspecionar os grupos.

A vice-presidente da União de Associações, Luiza de Figueiredo, destacou a colaboração de Lutero Ponce com o grupo de idosos do bairro Carumbé. “Sabemos que podemos contar com esta Casa de Leis e por isso viemos pedir o apoio dos vereadores no restabelecimento deste direito que nos foi tirado sem argumento contundente”, enfatizou, durante o discurso na Tribuna Livre.

Na ocasião, Figueiredo alertou para a dificuldade de locomoção dos idosos até os centros de convivência. “Eles preferem as reuniões nos bairros. A maioria não tem condição de deslocar até os centros de convivência. Idosos exigem cuidados e atenção”, disse.

Na concepção de Ponce, a suspensão no fornecimento terá que ser revista pela secretaria. “Desenvolvo trabalhos sociais nos bairro periféricos de Cuiabá e posso afirmar que em 90% dos grupos há trabalho assistencial de qualidade. O poder público não pode permitir o fechamento dessas entidades”, avaliou.

Cerca de 50 idosos dos bairros Carumbé, Bela Vista, Planalto, Leblon e Colorado compareceram à sessão.

Assessoria: Secom CâmaraCba/Andrea Haddad



Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
20/09 - Câmara vai recorrer da decisão que determina retomada da CPI que investiga o prefeito
20/09 - Bairro João Bosco Pinheiro começa a receber pavimentação asfáltica
20/09 - Três projetos que beneficiam idosos recebem parecer favorável de comissão permanente
20/09 - Servidores da Câmara recebem treinamento para implantação do Programa Papel Zero
20/09 - ARTIGO - Plante essa ideia
20/09 - Gabinete realiza campanha “Adote um Copo”
19/09 - Dia Mundial de Limpeza é lembrado em Tribuna Livre
19/09 - Professor de Educação Física com 37 anos de serviços prestados recebe Moção de Aplausos
19/09 - Presidente recebe Apret para tratar de gratuidade do transporte público para as pessoas com doenças renais crônicas
18/09 - Câmara reúne servidores da saúde para debater Projeto 25
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:00hs às 18:00hs.