Início
NOTÍCIAS
06/04/2011
Artigo: Cuiabá com Educação

*Professor Néviton Moraes

 

As transformações sociais em todos os países desenvolvidos, como Japão, Alemanha e, aqui na América do Sul, o Chile, só ocorrem através da educação. E Cuiabá chega aos 292 anos de fundação como referência no ensino superior, quase na condição de Cidade Universitária, mas, infelizmente, ainda “patinando” no ensino fundamental, com notas abaixo do esperado. Porém, é com prazer inominável que, percorrendo os bairros da cidade, vejo a maioria da população com a auto-estima elevada da população.  

Apesar de todos os problemas vividos na cidade, a maioria dos cidadãos ainda tem e manifesta o tal “orgulho de ser cuiabano’. Eu também. Como educador há mais de duas décadas, sempre labutei para melhorar o ensino público e defender o meio ambiente. Infelizmente, a nossa cidade guarda pouco do verde de décadas passadas. O crescimento desordenado a índices elevadíssimos realmente mudou a imagem de Cuiabá, hoje cercada por edifícios e exibindo ares de metrópole.

Vejo que Cuiabá, embora sucumbida à modernidade, nem por isso a cidade perdeu o referencial histórico. Ainda preserva hábitos de cidade pequena, mas não se curva diante do desafio de ser capital de Mato Grosso e, portanto, um exemplo para todo o Estado. Cuiabá hoje, acertando ou errando, dá norte a tantos municípios cercados por incertezas próprias de quem diante do progresso ainda se mostra reticente. A capital já vivenciou esta fase. Sabe das glórias e também do ônus de assumir a condição de ser grande e enfrentar desafios.

No dia-a-dia, Cuiabá é cobaia em experiências administrativas, mas logo vira modelo. Tem sido assim em áreas como a educação, saúde, turismo, moradia e lazer. A função de ser capital é tão ampla que até nos problemas, a cidade cumpre o papel de mostrar caminhos. Cuiabá vive sérias dificuldades - com destaque para a escalada de violência -, entretanto procura ser firme no propósito de superar limites. Entre erros e acertos dos governantes, a cidade que acolheu brasileiros de todas as partes do país, procura ser maior.

Maior no sentido de estar consciente de suas condições atuais e também de apostar num futuro mais promissor. A cidade já saltou a fase interiorana e ensaia passos muito ousados, que vão exigir que se entenda a importância estratégica de Cuiabá, quer para a visão interna de Mato Grosso ou para os olhos do Brasil.

Na verdade, a Capital marca hoje posições diferentes em âmbito estadual e nacional, inverso de um passado recente. Chegar aos 285 anos deve ser um ato de contemplação para Cuiabá e cuiabanos de nascimento e de coração. Motivo de orgulho, que exige responsabilidade, solidariedade e participação. Enfim, exercício diário e incansável de cidadania.

*Professor Néviton Moraes é educador, vereador pelo PRTB e Segundo Secretário da Câmara Municipal de Cuiabá.



Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
10/04 - Nota de pesar | Toshio Doi
10/04 - Em reunião com secretária, vereador Eduardo Magalhães verifica plano e novos pontos de vacinação na capital
10/04 - Segurança da Coletividade é pauta de reunião no bairro Duque de Caxias em Cuiabá
09/04 - Artigo - 100 dias de trabalho, trabalho e muito trabalho
08/04 - Câmara lança vídeo em homenagem ao aniversário de Cuiabá
07/04 - CCJR aprova pareceres de projetos durante reunião nesta quarta
07/04 - Alex Rodrigues toma posse como vereador
07/04 - Durante reunião, conselheiros tutelares apresentam demandas a vereadores
07/04 - Dr. Luiz Fernando solicita que município trate pacientes com sequelas da covid
06/04 - Câmara aprova projetos e pareceres na sessão desta terça
06/04 - Tribuna Livre discute temas voltados à saúde
06/04 - Parceria facilitará que setor do comércio acompanhe trabalhos legislativos
06/04 - Em uma semana, Juca do Guaraná Filho apresentou 52 indicações para melhorias nos bairros
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:00hs às 18:00hs.