Início
NOTÍCIAS
17/04/2012
Representante da associação dos obesos usa a tribuna para cobrar cirurgia pelo SUS
Luiz Alves
Presidente da Associação Mato-grossense dos Obesos, Silvana Aparecida Gadani
Na sessão desta terça-feira (17), a presidente da Associação Mato-grossense dos Obesos, Silvana Aparecida Gadani, utilizou a tribuna livre da Câmara Municipal de Cuiabá para falar sobre a obesidade. Ela solicitou ajuda aos vereadores e à sociedade, no sentido de se retomar o tratamento dos pacientes acometidos por este quadro patológico, buscando viabilizar espaço físico em uma unidade hospitalar pública para oferecer um tratamento completo aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).

Conforme expressa, atualmente nem o Estado e nem o Município estariam realizando as cirurgias de tratamento à obesidade via rede pública de saúde, e cobra a fiscalização dos recursos federais repassados pelo Ministério da Saúde. 

Diante da situação, Silvana se mostra bastante preocupada, pois, segundo ela, a associação possui 300 associados, sendo que 200 deles estão “aptos para passar por uma intervenção cirúrgica”, fator essencial para a qualidade e o aumento da expectativa de vida daqueles que enfrentam esse problema.

De acordo com o Ministério da Saúde, 30% dos brasileiros sofrem com a “obesidade mórbida”, termo pejorativo gerado pela associação de doenças crônicas (como a hipertensão arterial, artropatias, dislipidemias, diabetes, disfunções respiratórias, etc.), desencadeadas ou agravadas pela obesidade de grau III.

As pessoas que adentram neste estágio necessitam de uma assistência médica especializada, que vai desde a prevenção até à realização de cirurgias bariátricas (cirurgia para redução do tamanho do estômago). A maioria desses casos são aqueles em que o índice de massa corporal (IMC) atinge valores superiores a 40 kg/m². Silvana relata que já passou por este procedimento, enfatizando que o mesmo fora imprescindível para sua saúde e bem-estar: “Já pesei 187 quilos e hoje sou um sucesso”, atesta.

A presidente da associação esclarece que, em reunião prévia com a direção do Hospital Geral Universitário (HGU) de Cuiabá, houve um posicionamento favorável desta unidade hospitalar quanto ao interesse em se realizar tal serviço em suas instalações.

Para que isso se efetive, é necessário que os hospitais credenciados ou habilitados como Unidades de Assistência de Alta Complexidade ao Paciente Portador de Obesidade Grave atuem conforme as diretrizes do gestor estadual ou municipal, de maneira articulada com os programas e normas definidas pelo Ministério da Saúde e das secretarias estaduais ou municipais de saúde. Além disso, deve-se investir na aquisição de equipamentos especiais, tais como cama, cadeiras e macas com capacidade de até 250 quilos.

Tapaiúna Fraga



Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
21/04 - Indicação de vereador garante limpeza de área verde
21/04 - Vereador Eduardo Magalhães apresenta indicações solicitando serviços em bairros de Cuiabá
21/04 - Empreendedorismo feminino é incentivado com projetos de Maysa Leão
20/04 - Vereadora Michelly pede prioridade de vacinação para gestantes
20/04 - Vidal pede revitalização de creche, implantação de linha de ônibus e saneamento básico em três bairros de Cuiabá
20/04 - Juca do Guaraná Filho participa da posse da nova diretoria COMEC
20/04 - “Provamos que o lockdown é uma medida efetiva”, diz secretária de saúde de Araraquara (SP)
20/04 - Câmara aprova projetos de lei em primeira votação na sessão desta terça
20/04 - Vereador sugere que escolas municipais sejam utilizadas como pontos de vacinação
20/04 - Maysa Leão visita ponto de vacinação na ALMT e pede utilização da 2ª dose em quem ainda não foi imunizado
20/04 - Após luta de vereador, Agentes de Trânsito e de Fiscalização são vacinados contra a Covid-19
20/04 - 14 bairros de Cuiabá recebem indicações do vereador Eduardo Magalhães
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:00hs às 18:00hs.