Início
NOTÍCIAS
30/11/2007
Cuiabá figura entre as cidades mais poluídas do mundo
Secom Câmara/CBA
O médico Celso Taques Saldanha, alertou os vereadores sobre a fragilidade climática do município
Os inúmeros focos de queimadas, com a emissão dos seus gases na atmosfera, deixa Cuiabá tão poluída como as cidades mais poluídas do mundo por outras fontes como parques industriais, queima de combustíveis, etc. A afirmação do médico pediatra, alergista e imunologista, Celso Taques Saldanha que ocupou a tribuna livre da Câmara Municipal de Cuiabá, chamou a atenção dos vereadores para a questão ambiental.

Celso que também é presidente da Associação Brasileira de Alergia e Imunopatologia-Seccional Mato grosso, mestre em Ciências da Saúde esteve no mês passado no XXXIV Congresso Brasileiro de Alergia e Imunopatologia, realizado em salvador, apresentando 8 trabalhos referentes a esse problema que também afeta Cuiabá.

O médico disse que a pesquisa demonstra a associação entre as variáveis climáticas típicas de Cuiabá, juntamente com as queimadas nos arredores e a enfermidade asmática.

Na dissertação constatou a fragilidade climática do município de Cuiabá como baixa velocidade do vento (Cuiabá em média, 1,5m/s) e (Brasília, 4,0m/s) verifica-se pouca limpeza do ar atmosférico; altas temperaturas devido ás fortes radiações solares, típicas das regiões que compõe a Amazônia; inúmeros poluentes oriundos das queimadas, que são nocivos á saúde humana, principalmente o ozônio (gás comprovadamente responsável em agredir as vias respiratórias); altitude baixa (160 a 400m)-Chapada dos Guimarães próximo a 800m.

Demonstrou-se, ainda: que os inúmeros focos de queimadas, com a emissão dos seus gases na nossa atmosfera, deixa Cuiabá tão poluída como as cidades mais poluídas do mundo por outras fontes; que temos um período climático caracterizado por umidade relativa do ar extremamente baixa imprópria para a vida humana, principalmente nos meses de julho a setembro, sendo que nessa época temos a ocorrência de queimadas, tornando-se, assim o ar impróprio para as nossas vias respiratórias (resfriados, asmas, bronquites, etc.).

Lembrou aos vereadores das inúmeras ilhas de calor. "Temos regiões dentro da própria cidade que são mais intensamente quentes que outras regiões circundantes, devido às construções de inúmeros prédios desordena mente (mais concreto - mais absorção de calor); asfaltamentos sem arborização, casas e galpões com telhas de zinco e amianto, retirada das árvores cinqüentenárias e até centenárias (mangueiras, jabuticabeiras, pitombas, goiabeiras etc.) e destruição dos inúmeros córregos e suas matas ciliares, elevando, ainda mais, a temperatura, com piora do conforto térmico”, disse.

Além das ilhas de calor como Praça Alencastro e Avenida do CPA, temos verdadeiras ilhas secas. “O pulmão sendo o maior órgão do corpo humano em contato com o meio ambiente é o que mais sofre com essas variáveis climáticas (mais crianças e idosos doentes com aumento dos gastos com saúde)” lembrou. Confirmou-se na pesquisa: mais crianças são internadas no HPSMC em época de muitas queimadas, baixa velocidade dos ventos, altas temperaturas e baixa umidade do ar.

Assim, em função da própria característica climática de Cuiabá, agravada com as queimadas nos nossos arredores, crescimento desordenado da cidade e desaparecimento dos nossos córregos e matas, Cuiabá está caminhando para condição cada vez mais imprópria de moradia e lazer. As chuvas dependem em mais de 50% das matas que estão cada vez mais destruídas.

Assessoria: Secom CâmaraCba/Roseli Cordeiro



Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
17/04 - Nota de pesar | Dr. João Batista
16/04 - Vereador Dr. Luiz Fernando propõe PL para tornar obrigatório o exame do quadril para recém-nascido
16/04 - Bairro Alvorada receberá serviço de cata-treco após indicação do vereador Sargento Joelson
16/04 - População pode opinar sobre PL do Estatuto da Igualdade Racial até maio
16/04 - Comissão discute ações de combate aos abusos e consumo de drogas lícitas e ilícitas por crianças e adolescentes
16/04 - Nota de pesar | Célio Fúrio
15/04 - Câmara prorroga regime de teletrabalho até 19 de abril
15/04 - Câmara autoriza Cuiabá a participar de consórcio intermunicipal de saúde
15/04 - Tratamento de pacientes oncológicos e combate à discriminação racial foram temas discutidos na Tribuna Livre
15/04 - Juca apresenta indicações de limpeza, manutenção de boca de lobo e iluminação pública para bairros de Cuiabá
15/04 - Emenda de Vidal pede celeridade em atendimento de pacientes suspeitos de TEA e Síndrome de Down
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:00hs às 18:00hs.