Início
NOTÍCIAS
04/11/2015
Audiência debate Orçamento de Cuiabá para 2016
Arquivo - CMC
Fachada da CMC
A Câmara de Cuiabá iniciou nesta  quarta-feira  (04) a realização de Audiências Públicas para discutir a Lei de Diretrizes Orçamentárias que estima a receita e despesa do Município para o ano de 2016.

A audiência  foi presidida pelo vereador Oséas Machado (PSC) e contou com a presença do Secretário Municipal de Planejamento de Cuiabá, Guilherme Müller e outros secretários ligados a economia municipal. Müller apresentou o orçamento municipal para o próximo ano e tirou dúvidas aos questionamentos dos parlamentares e dos presentes. Lembrou que a previsão de receita para 2016 é de R$ 2, 157 bilhões. As demais audiências acontecerão nos próximos  dias 11 deste mês  e  02 do mês que vem.

Depois de aberta a audiência, o vereador Oséas Machado (PSC) lembrou da sua importância,  dos investimentos que serão aplicados no ano que vem e que todos, de uma maneira ou outra, contribuam com a administração pública, embora “o horizonte, no momento, não revele positividade  para o próximo ano, mas continuo pensando, positivamente”.

Já o secretário Guilherme Müller, do Planejamento, ao fazer a estimativa de receita para o ano que vem que é de R$ 2, 157 bilhões, embora o crescimento nominal seja zero em comparando com o orçamento de 2015, de 2,154 bilhões, garante que o município já tem assegurado  os recursos suficientes  para executar os projetos e obras em andamento. Lembrou ainda o secretário que  o valor mostra uma queda orçamentária  de 9,5%, mesmo descontando a inflação. Müller lembrou que nos setores da saúde, educação e infraestrutura continuam sendo prioridades no próximo ano.

Já o Secretário de Fazenda, Pascoal Santullo Neto, que também usou da tribuna para fazer esclarecimentos a respeito da LDO 2016, voltou a declarar  que  “o ano que vem será um ano complicado, com crescimento nominal zero em relação ao orçamento de 2015, conforme consta na Lei Orçamentária Anual (LOA) para 2016.
Esclarece ainda o secretário que a estimativa da receita para o próximo ano é de R$ 2,157 bilhões, enquanto neste ano foi de R$ 2,154 bilhões.  “Se não conseguirmos incrementar, vamos ter um primeiro semestre de 2016 muito difícil. Mas acredito que vamos conseguir. Espero que essa crise passe o mais rápido possível”, concluiu.

Jê Fernandes – Secom/CMC


Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
12/08 - Câmara realiza Sessão Solene em homenagem ao Dia do Advogado
11/08 - CCJR analisa 11 matérias durante 20ª reunião ordinária realizada nesta quinta-feira
11/08 - Vereador se posiciona contra PL que libera caça esportiva em MT: "retrocesso à vida"
11/08 - Projeto que proíbe verba pública em eventos que promovam a sexualização de crianças é aprovado
11/08 - Câmara analisa projetos de lei e pareceres na sessão desta quinta
11/08 - Vereadora cobra luz e água para o Pedra 90 e região
11/08 - Secretária de Saúde atende convocação de vereador e presta contas no TCE
11/08 - Audiência Pública discute a criação e união do Setor III do Três Barras
10/08 - Câmara realiza exposição para celebrar os 50 anos do Palácio Paschoal Moreira Cabral
10/08 - Agora é Lei Semana de Conscientização e Combate ao Preconceito contra as Pessoas Portadoras de Nanismo
10/08 - Nosso Palácio completa 50 anos de história
10/08 - Lei que institui o Fevereiro Laranja campanha de conscientização sobre a leucemia é sancionada
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:00hs às 18:00hs.