Início
NOTÍCIAS
26/06/2008
Alunos adotam Olodum nas olimpíadas
Alunos do terceiro ano do Colégio São Gonçalo adfotam Olodum com o tema na28ª Olímpiada Saleziana. Na tribuna livre da Cãmara Municipal de Cuiabá a líder do grupo, Priscila Romero falou soibre a importância do evento que visa a integração dos alunos por meio do esporte.São oito grupos de 55 alunos responsáveis pelas ações voltadas para a cultura, esporte e cidadania.

Priscila disse aos vereadores que a ecolha do ícone Olodum está relacionada a importãncia do grupo que também é uma organização não governamental comprometida com as causas sociais.

Depois de ter sido criado em 1979 como um bloco carnavalesco, em 1984 o Olodum institucionalizou-se, transformando-se em Grupo Cultural Olodum. Desde então, passou a atuar dentro do movimento negro brasileiro e transformou-se em uma das instituições mais respeitadas do segmento da luta contra o racismo.

O Olodum enquanto instituição social participou e/ou liderou diversas campanhas para a formulação de políticas públicas para os afro-descentes e pela defesa dos direitos econômicos, sociais e culturais da população – Pidesc – e pelo respeito aos direitos difusos. O resultado mais expressivo dessa ação institucional foi a campanha que resultou na inserção do Capítulo do Negro, na Constituição do Estado da Bahia – Capítulo XXIII, Artigos 286 a 290. Institucional e socialmente o Olodum influenciou a criação de vários grupos com objetivos e trabalhos similares, a exemplo do Afro-Reggae no Rio de Janeiro, do Projeto Arte no Dique em Santos – SP, do Grupo Unidos do Quilombo em Aracaju e mais recentemente o Projeto Sons de Cidadania em Brasília, além de outros.

O Olodum realiza durante o ano, várias atividades que criam oportunidades e geração de renda para os comerciantes na área do Maciel - Pelourinho.

Os Ensaios do Bloco Olodum, realizados no Pelourinho, aos domingos e as terças-feiras, durante os meses de agosto a fevereiro, conta com quase 100 pessoas que montam suas barracas e comercializam alimentos e bebidas, garantindo assim um sustento favorável para essas pessoas.

Com isso conseguem promover a valorização da auto estima e o despertar do orgulho da comunidade negra, divulgar as campanhas contra todas as formas de violência e a favor de políticas públicas para os afro descendentes.

Assessoria: Secom CâmaraCba/Roseli Cordeiro



Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
16/04 - Vereador Dr. Luiz Fernando propõe PL para tornar obrigatório o exame do quadril para recém-nascido
16/04 - Bairro Alvorada receberá serviço de cata-treco após indicação do vereador Sargento Joelson
16/04 - População pode opinar sobre PL do Estatuto da Igualdade Racial até maio
16/04 - Comissão discute ações de combate aos abusos e consumo de drogas lícitas e ilícitas por crianças e adolescentes
16/04 - Nota de pesar | Célio Fúrio
15/04 - Câmara prorroga regime de teletrabalho até 19 de abril
15/04 - Câmara autoriza Cuiabá a participar de consórcio intermunicipal de saúde
15/04 - Tratamento de pacientes oncológicos e combate à discriminação racial foram temas discutidos na Tribuna Livre
15/04 - Juca apresenta indicações de limpeza, manutenção de boca de lobo e iluminação pública para bairros de Cuiabá
15/04 - Emenda de Vidal pede celeridade em atendimento de pacientes suspeitos de TEA e Síndrome de Down
15/04 - Vereador apresenta diversas indicações em prol do Parque Atalaia
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:00hs às 18:00hs.