Início
NOTÍCIAS
15/03/2017
Vereadores debatem transporte em Cuiabá
Ednei Rosa - Secom/CMC
Os vereadores Paulo Araújo e Diego Guimarães, ambos do PP, vão realizar uma audiência pública, nesta sexta-feira (17), às 9 horas, no auditório da OAB, para debater questões relacionadas às várias modalidades de transporte alternativo que operam em Cuiabá.

Por conta disso, representantes do setor de transporte estiveram reunidos, quarta-feira (17), pela manhã, na sala da presidência da Câmara Municipal. Na ocasião, o presidente, vereador Justino Malheiros (PV) afirmou que “a Câmara recepciona as discussões, como uma forma de trazer a sociedade, através dos vários segmentos organizados, para dentro do parlamento. Com isso buscamos ouvir a sociedade e trabalhar para encontrar as soluções que ela almeja”.

Como toda grande cidade, em Cuiabá, o transporte é uma questão delicada, pois envolve vários interessados. Cuiabá e Várzea Grande, em função da proximidade, enfrentam dificuldades semelhantes. Em Cuiabá rodam de forma legalizada, 604 táxis, em Várzea Grande , 187. Um dos problemas trazidos nesta reunião, é a presença de aproximadamente 700 carros que operam como táxi de forma não legalizada, rodando pelas duas cidades.

O presidente da Associação Matogrossense dos Taxistas, Abel Arruda, esclareceu que “para nós o problema não é o preço, já foram criados cerca de 19 aplicativos que os motoristas utilizam apenas para cadastrar o cliente. Eles atuam livremente nas escolas fazendo a captação entre os alunos, principalmente”. Na visão de Arruda isso gera insegurança, pois não se sabe quem são esses motoristas. Ele acrescenta que “são mais de 30 motoristas que atuam clandestinamente, e prejudicam o trabalho daqueles que estão legalizados”.

O vereador Guimarães, informou que já encaminhou ao Executivo Municipal um anti-projeto de lei com a finalidade de regulamentar a atividade de motoristas que atuam de forma alternativa na cidade. Já o vereador Araújo, acredita que na desoneração como uma maneira de fomentar essas atividades. São questões que devem ser levantadas e debatidas durante a audiência, pois como frisou o Guimarães, “a finalidade de uma audiência pública é construir soluções”.

Secretaria de Comunicação
Etevaldo ‘d Almeida



Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
18/08 - Projeto que beneficiar celíacos é aprovado em regime de urgência na câmara municipal
17/08 - Vereador Dilemário defende que prefeitura promova enfrentamento ao avanço do crack em Cuiabá
17/08 - Audiência pública debaterá revitalização do complexo da salgadeira
17/08 - Problemas de acessibilidade são tratados na Tribuna Livre da Câmara
17/08 - Microcefalia une mães em busca de apoio do Legislativo municipal
17/08 - Vereador Abilio apoia MBL em favor da “Escola Sem Partido”
17/08 - Vereador Toninho de Souza viabiliza "operação tapa-buraco” no Parque Cuiabá
17/08 - CCJ avalia Projeto de Lei inovador no país sobre qualidade mínima para reforma de escolas
17/08 - Rafael Martine realiza exposição “Os olhares da lente” na Câmara de Cuiabá
17/08 - PL de Luís Cláudio, sobre Apoio aos portadores de Doença Celíaca, é aprovada pela Câmara e aguarda sansão do Executivo municipal
16/08 - Vereador Mário Nadaf cobra denominação das Ruas do Bairro Cidade Verde
16/08 - Vereador Misael Galvão se empenha e consegue viabilizar o asfalto para bairro São Roque
SESSÃO AO VIVO
INFORMES

Câmara Municipal de Cuiabá - Praça Moreira Cabral
Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Todos os direitos reservados © 2013 - Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:30hs às 13:30hs.