Início
NOTÍCIAS
17/03/2017
Vereador não poupa nem governador do mesmo partido para cobrar desburocratização dos serviços públicos
Ednei Rosa - Secom/CMC
Vereador Renivaldo Nascimento
O vice-presidente da Câmara de Vereadores de Cuiabá, Renivaldo Nascimento (PSDB), externou hoje (16), durante sessão plenária, sua insatisfação com o andamento dos serviços públicos nas esferas, estadual e municipal, em Cuiabá. Para o vereador, as atuais gestões devem reter o discurso ‘vazio’ para acelerar as ações em benefício da população mato-grossense. O vereador cobrou agilidade da prefeitura de Cuiabá para iniciar a obra de recuperação da ponte Benedito Figueiredo, na região do Coxipó, que liga os bairros Coophema e Praeirinho.

Segundo secretário de obras de Cuiabá, Vanderlucio Rodrigues, a obra de recuperação ponte que está interdita há mais de trinta dias é de responsabilidade da Secretaria Estadual de Cidades (Secid), que tem como secretário, o deputado licenciado, Wilson Santos (PSDB). “Fica esse discurso vazio dos governos e a população não tem resposta. Não sou engenheiro, mas o reparo de uma ponte não pode ficar esperando por trinta dias. Temos maquinários e profissionais do município e do Estado e não se inicia a obra”, criticou o vereador.

Vanderlucio afirmou, que da mesma forma que o vereador, o município tem o interesse de ver a obra iniciada e concluída. O secretário esclareceu que protocolou oficio na Secid pedindo prazo para o inicio da obra de contenção da cabeceira da ponte que foi interditada, após desmoronamento de sua base, devido a fortes chuvas na região. “Agora, o vereador que é tucano poderia cobrar o início dessa obra ao Estado que é inteiramente dele e a prefeitura não pode mexer sem instrumentos legais para isso. Há desgastes para todos e quem sofre é o cidadão” disse Vanderlucio.

Para Renivaldo Nascimento não falta recursos, porque os percentuais aplicados anteriormente, em todos os setores administrativos, tiveram aumento. “Se para concluir o reparo de uma ponte é desse jeito e o resto? Por isso que a saúde anda ruim”, comparou o vereador que também teceu criticas ao modo de gestão no setor.

“Não é brincadeira, o Estado em menos de dois anos já trocou quatro secretários de saúde. Os recursos da saúde, educação entre outros, só aumentaram. Chegam verbas de todos os lados para esses setores. Agora, a burocracia não deixa a administração atender a população como deveria”, afirmou.

Segundo ele, as farmácias de alto custo na capital estão sem estoques de remédios provocando a morte de pessoas que lutam contra o câncer e outras doenças graves. “Tá faltando gestão, ninguém agüenta mais. Pessoas com câncer morrendo por falta de remédios e não em o remédio pra tomar. Vai morrer”, avaliou.

Assessoria de Imprensa do Vereador Renivaldo Nascimento



Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
23/05 - TRANSPORTE PÚBLICO: Projeto de lei prevê passe livre para acompanhante da criança até a escola
23/05 - Vereadores homenageam rotaryanos por 50 anos de trabalhos voluntários
23/05 - Vereador cria lei para prevenir casos de violência doméstica contra crianças e adolescentes
22/05 - Audiência pública vai discutir aplicação da emenda de R$ 82 milhões para equipar novo pronto-socorro
22/05 - Saúde Pública na capital volta a ser tema de debates na Câmara de Cuiabá
22/05 - Câmara realiza sessão solene para entrega de Título Honorífico aos Festeiros do Divino
22/05 - Dr. Xavier e deputado Guilherme Maluf querem cirurgia bariátrica incorporada ao atendimento da Caravana
22/05 - Emanuel Pinheiro assina decreto que regulamenta "Lei da ruas sem saída"
21/05 - Após audiência, área mantém-se preservada no bairro Parque Cuiabá
21/05 - Bussiki premia estudante por redação que estimula a adoção de crianças
21/05 - Bussiki premia estudante por redação que estimula a adoção de crianças
SESSÃO AO VIVO
INFORMES

Câmara Municipal de Cuiabá - Praça Moreira Cabral
Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Todos os direitos reservados © 2013 - Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:30hs às 13:30hs.