Início
NOTÍCIAS
09/06/2017
Vereadores intermedeiam e reajuste salarial dos trabalhadores do transporte público é acordado
Assessoria/Vereador Abilio Junior
Trabalhadores do transporte público de Cuiabá ganham reajuste salarial de 4%, que passa de R$ 2.180 para R$ 2.267 mil. O processo de acordo teve início na terça-feira (06-06), durante reunião realizada entre técnicos da Agência de Regulação de Serviços Delegados de Cuiabá (Arsec), representantes do Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários da Baixada Cuiabana (Sintrobac) e dos vereadores Abilio Junior (PSC) e Lilo Pinheiro (PRP), encerrando nessa sexta-feira (09-06), com aprovação pela categoria na Câmara de Vereadores. 

Para o vereador Abilio, buscar o mais importante, intermediar a questão em busca de um acordo que não prejudicasse a população em geral e que, ao mesmo tempo, atendesse aos interesses exigidos pela categoria, faz parte do papel do parlamentar.  

“Nossa função como vereador é sempre olhar para o bem geral da população, mas sem se esquecer das categorias, dos setores da sociedade, buscando sempre atender de forma mais isonômica possível. Por isso participamos desse processo, em que alisamos junto aos técnicos da Arsec a situação econômica para atender os interesses da categoria. Vimos, por meio das planilhas de custos, que era possível reduzir gastos com insumos, viabilizando o reajuste salarial sem afetar, com greves ou aumento de tarifa, esse serviço imprescindível à população”, disse Abilio.

De acordo com o diretor presidente da Arsec, Alexandre Bustamante, esse acordo foi fundamental para prestação do serviço que contempla milhares de cidadãos. “É um serviço essencial no cotidiano de trabalhadores, estudantes e demais cidadãos que dependem do transporte público para se deslocarem e cumprirem seus compromissos diários e de lazer”, disse Bustamante. 

O diretor também considerou muito importante a participação da Câmara de Vereadores de Cuiabá intermediar a negociação. “Por ser uma Casa de Leis, voltada para bem coletivo, do cidadão de maneira geral, essa participação dos vereadores no processo de acordo entre a categoria e empresários do setor demonstra que esse Parlamento está engajado nas causas que afetam o cidadão”, avaliou o diretor. 

Para o vereador Abilio, buscar um acordo que não prejudicasse a população em geral e que, ao mesmo tempo, atendesse aos interesses exigidos pela categoria, faz parte do papel do parlamentar.  

Atualmente pelo menos 300 mil dependem do transporte público (Cuiabá e Várzea Grande), atendidos por 360 coletivos que circulam na Capital e 200 em VG.     

Dana Campos
Assessoria/Vereador Abilio Junior (PSC) 



Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
13/08 - Sessão aprova pareceres de projeto do vereador Adilson Levante em favor de doadores voluntários
13/08 - Vereadores apresentam moção de pesar coletiva pela morte de artista plástico
13/08 - Saad tem dois projetos de sua autoria aprovados pelo Parlamento Municipal
13/08 - Nomenclatura de viadutos e de biblioteca pública são aprovados pela Câmara de Cuiabá
13/08 - Misael Galvão entrega moção de aplauso a policiais militares
12/08 - CCJR analisa projetos de lei nesta quarta-feira (12)
12/08 - Sala da Mulher entrega Kits de combate a Covid-19 aos colaboradores da Câmara
11/08 - Escola é revitalizada no bairro Altos da Glória por indicação de Misael Galvão
10/08 - Artigo| Volta às aulas somente com 100% de segurança !
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:00hs às 18:00hs.