Início
NOTÍCIAS
11/10/2017
Moradores da região do Florianópolis sofrem com mudança de ponto de ônibus
Divulgação
A mudança de um ponto de ônibus está provocando grande transtorno para moradores do Jardim Florianópolis e região. Em visita ao bairro, o vereador Sargento Joelson (PSC) constatou o problema e já e está pedindo uma solução para a Prefeitura de Cuiabá.

O ponto foi transferido do Jardim Florianópolis para o terminal do CPA I. Com isso, usuários que residem no bairro e também no Jardim União, Milton Figueiredo, Parque das Nações, e outros, se sentiram prejudicados. Agora os ônibus passam pelo local completamente lotados e muitas vezes nem param.

Sargento Joelson utilizou sua página em rede social para saber a opinião dos moradores sobre a mudança feita pela Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob). Em cerca de 400 comentários, foi possível constatar que a alteração atendeu o anseio dos moradores do Novo Paraíso, porém prejudicou usuários dos demais bairros.

Carynna Silva comentou que os ônibus da linha 206, do Jardim Florianópolis, já saiam lotados do ponto final do bairro, principalmente nas primeiras horas do dia, e agora, com a mudança, muitos nem conseguem entrar nos ônibus, que já chegam lotados do terminal. 

“Ficou muito ruim. Já era lotado, agora piorou tudo. Falam que é pra melhorar, mas eles estão muito enganados, só piorou. Lamentável”, escreveu Josieli Gomes.

Kédyma Sara também reclamou. “Não gostei, pois o ônibus já chega ao Jardim Florianópolis lotado e nós moradores do Jardim União e Florianópolis somos os mais prejudicados”.

“Aqui para o pessoal do Milton Figueiredo e região está um caos, pois os ônibus que passavam aqui não passam mais, e quem depende do ônibus tem que ir até o Jardim Florianópolis a pé”, reclama Dimmy Angélica Galvan Muniz. 

E as reclamações são das mais variadas e expressam a indignação com a mudança. “Ficou horrível. Nada melhorou! Piorou muito mudando a rota e não vi esse aumento da quantidade de ônibus. Ficamos muito tempo aguardando, até mais do que antes, sem falar na falta de lugar para carregar o cartão. Se queriam beneficiar o pessoal da baixada do Florianópolis, era só mudar o ponto final pra divisa do bairro e não tirar os ônibus daqui. Resumindo, nosso bairro não tem mais um ônibus próprio. Muito ruim essa mudança”, disse Kellenn Kristina, indignada.

A mudança, no entanto, foi bem recebida por moradores do Novo Paraíso. Na opinião de Iaé André Vital, ficou bem melhor porque antigamente os ônibus demoravam muito, às vezes até uma hora e meia. ”Dependendo do ônibus que ia pegar e mesmo assim os outros também demoravam e agora com 10 ônibus rodando ficou excelente e tem ônibus toda hora”.

Diante da situação, o vereador Sargento Joelson está acionando a Semob para encontrar uma solução que satisfaça todas as comunidades envolvidas. “Estamos acionando outros colegas vereadores para também entrarem nesta questão e, juntos, conseguirmos as alterações necessárias e que deem comodidade aos usuários de toda a região”. 

Da Assessoria - Ver.Sargento Joelson 


Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
21/09 - 26/09 - CPI da Saúde
21/09 - 27/09 - Audiência Pública - Relatório segundo quadrimestre de 2018 pelo gestor do Sistema Único de Saúde
21/09 - 28/09 - CPI da Saúde
21/09 - Vereador conclama população para jogo do Cuiabá pela final da Série C
20/09 - Bussiki é nomeado membro do Conselho de Bem-Estar Animal
20/09 - Opinião: O “apartheid” profissional
20/09 - LACEC: Ex-coordenadora afirma ter recebido pedido de pagamento superfaturado e que falta de insumos e reagentes favorece terceirizada
19/09 - POLÍTICA NA MESA: Sorteio de jantar na casa do vereador Felipe Wellaton (PV) será na sexta-feira
19/09 - A importância da representação dos cuiabanos no parlamento estadual e federal: memória e perspectivas
19/09 - Vereador critica proposta do executivo e a avalia como “apartheid” profissional
19/09 - Marcos Veloso apresenta moção de pesar aos familiares de Antônio Mulato
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:30hs às 13:30hs.