Início
NOTÍCIAS
09/03/2018
Projetos de iniciativa popular podem ser apresentados e votados por APP
Assessoria de imprensa/Diego Guimarães
A Câmara Municipal firmou na manhã desta quinta-feira (08) um Termo de Cooperação com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT) para colocar à disposição da população cuiabana um aplicativo de celular que possibilita a participação da sociedade na apresentação e assinatura de projetos de lei. O trabalho em conjunto foi possível após o vereador Diego Guimarães (PP) ter apresentado um projeto de lei que foi sancionado no final do ano passado que efetiva no âmbito municipal a democracia participativa.

A Lei 6.197/2017, de autoria do progressista, permite o uso de meios eletrônicos para apresentação de proposituras. “Quando eleito vereador tive ciência que não existia sequer uma lei municipal que tivesse vindo de uma forma natural, do seio da sociedade, mas apenas, pelos seus representantes. Agora o cidadão terá a possibilidade de baixar em seu celular o aplicativo soberano que é gratuito e de forma simples ele poderá apresentar sugestões de leis para que outros cidadãos votem”, disse o parlamentar.

A iniciativa popular de Lei para ter o trâmite dentro da Casa de Leis precisa de no mínimo 5% do número total de eleitores regularmente alistados na circunscrição do município, assim como é estabelecido na Constituição Federal e na Lei Orgânica do Município. Além disso, os projetos de lei de iniciativa popular poderão ser apresentados à Câmara Municipal em meio físico ou eletrônico. O eleitor também poderá votar nos projetos existentes na plataforma e sua assinatura será validada automaticamente.

Para o presidente do TRE-MT, desembargador Márcio Vidal, a iniciativa é inédita no Brasil e a parceria poderá ser aderida por outros municípios e ampliada a nível estadual. O aplicativo Soberano oferecerá as estatísticas de quantos eleitores aprovam a ideia proposta e quantos a rechaçam, o que dará subsídios à imprensa e aos parlamentares para a análise completa do cenário, em torno daquele projeto.

Outra funcionalidade consiste na possibilidade de o eleitor votar e, depois de analisar melhor a questão, retirar o seu apoio para determinado projeto em debate no seu município. “O soberano nasce de uma hera que estamos vivendo, uma era pós industrial e tecnológica.  Acaba com a necessidade de coletar fisicamente milhares de assinaturas de eleitores, para proposição de leis de iniciativa popular e tudo poderá ser feito digitalmente”.

O termo também foi assinado pela Assembleia Legislativa, porém, o legislativo estadual precisa aprovar lei semelhante com a do vereador Diego Guimarães, para que o Soberano possa receber projetos de leis estaduais, também de iniciativa popular.

O aplicativo – O programa que já pode ser baixado gratuitamente nas lojas virtual Play Store para smartphones do sistema android, foi desenvolvido pela equipe da Secretaria de Tecnologia da Informação da Justiça Eleitoral. O cidadão que quiser apresentar um projeto de lei precisará protocolá-lo fisicamente no prédio do TRE-MT.

Em breve será possível inserir a proposta no site do Tribunal. Em seguida, a equipe técnica do Tribunal insere o projeto no aplicativo de celular e anuncia à sociedade a existência daquela iniciativa. Qualquer cidadão poderá baixar o aplicativo no celular e votar.  Os eleitores terão um prazo de 60 dias para votar em cada proposta apresentada.

Fotos Relacionadas

Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
21/09 - 26/09 - CPI da Saúde
21/09 - 27/09 - Audiência Pública - Relatório segundo quadrimestre de 2018 pelo gestor do Sistema Único de Saúde
21/09 - 28/09 - CPI da Saúde
21/09 - Vereador conclama população para jogo do Cuiabá pela final da Série C
20/09 - Bussiki é nomeado membro do Conselho de Bem-Estar Animal
20/09 - Opinião: O “apartheid” profissional
20/09 - LACEC: Ex-coordenadora afirma ter recebido pedido de pagamento superfaturado e que falta de insumos e reagentes favorece terceirizada
19/09 - POLÍTICA NA MESA: Sorteio de jantar na casa do vereador Felipe Wellaton (PV) será na sexta-feira
19/09 - A importância da representação dos cuiabanos no parlamento estadual e federal: memória e perspectivas
19/09 - Vereador critica proposta do executivo e a avalia como “apartheid” profissional
19/09 - Marcos Veloso apresenta moção de pesar aos familiares de Antônio Mulato
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:30hs às 13:30hs.