Início
NOTÍCIAS
03/10/2018
Dr. Xavier: "Escolha do candidato é pessoal. Direito democrático que deve ser respeitado"
Assessoria de imprensa
A poucos dias das eleições para presidente da República, senadores, deputados estaduais e federais (próximo domingo, 7), o vereador cuiabano Dr. Xavier, alçado politicamente à condição de representante das classes sociais menos favorecidas da capital, alertou hoje (3) sobre a imposição de alguns grupos partidários para que "esse ou aquele candidato" seja o preferencial das urnas. Ele enfatizou que "isso distorce por completo o perfil democrático vigente no País desde a promulgação das eleições diretas". Nestas eleições, ainda pontuou, "observa-se total disparidade em relação a isso, como se o desejo expresso sobre algum nome inserido no pleito eleitoral fosse pecado, acaso não corresponda ao desejo do inquiri dor. Prevalece, por conseguinte, desrespeito à escolha espontânea dos eleitores. E esta deve ser sempre soberana, sem se ater a qualquer pressão alheia".

Segundo o parlamentar, o País vive uma expectativa de eleições atípicas em todos os níveis da presente disputa, principalmente no âmbito presidencial. "Não há nenhum candidato santo, 100% perfeito, isso é uma realidade. Tampouco existe algum que represente a figura soberana de "salvador da pátria". Vivemos, hoje, um quadro tenso, sem dúvida, pois o Brasil - bastante endividado - carece de uma liderança confiável no cenário federal, à frente do Planalto. Vivenciamos, inclusive, forte ansiedade por varrer determinadas figuras palacianas descomprometidas com os anseios populares, o que é oportunizado agora, pelas próximas eleições. A verdade é que os brasileiros já não aguentam tanta pressão desumana e tantos desencantos, após suntuosas promessas oficializadas em palan ques graduados da política. Daí a quantidade de votos brancos e nulos, detectados precocemente nas últimas pesquisas de intenção de voto".

Dr. Xavier sugeriu, assim, que todos respeitem os pensamentos divergentes no tocante às eleições, centrando a atenção naqueles que entende ser os melhores candidatos para representá-los em níveis distintos (estadual e federal). "Conforme disse, é uma escolha livre, pessoal, relacionada ao direito de livre expressão dos eleitores e respeito por opiniões desconexas, mesmo que os argumentos sejam incontestáveis. O mais importante é o exercício democrático que está em curso, independente dos nomes postos na atual corrida eleitoral. Se a maioria optou por um candidato que entende ser o melhor, não cabe a quem não compartilha com tais ideias julgar essa escolha. Ou seja: transferir carga de ofensiva radicalidade a fim de tentar mudar o curso das eleições".

O vereador concluiu que as eleições deste domingo serão marcadas, sem dúvida, por mudanças que nem os próprios postulantes imaginam presenciar. "Teremos boas surpresas, é inegável. Quem não tem serviços prestados, comprovadamente benéficos à população, tende a ser expurgado da vida pública. Também veremos muitos candidatos veteranos à reeleição sucumbirem no crivo das urnas. Explica-se: a confiabilidade do eleitorado está atrelada a uma atenta observação de quem faz ou pelo menos tentou fazer. Se não há nada concreto, apenas demagogia, certamente que tais atores serão extirpados do exercício parlamentar. O povo brasileiro, além de sofrer muito, de esperar mudanças que demoram ou não acontecem jamais, aos poucos vem despertando para o necessário exercício de soberania no âmbito político. E é desta forma que vai vetar quem nada fez por merecer, além de oportunizar espaços àqueles que evidenciam real desejo de trabalho social e estrutural".

João Carlos de Queiroz/Secretaria de Comunicação Social - CMC



Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
10/12 - Dr. Xavier adverte para aumento de atendimento SUS durante o Natal/Ano Novo
10/12 - Baile da Terceira Idade’ de Cuiabá ganha ambiente Climatizado
10/12 - Gabinete de Misael continua nas ruas para ouvir a população
07/12 - EMPRESA CUIABANA: Abilio colhe assinatura para abertura de nova CPI na Câmara
07/12 - "Fazer mestrado é meu maior presente natalino", afirma deficiente visual do Legislativo de Cuiabá
07/12 - A convite de Mário Nadaf, Vuolo lança projeto da Arena do Siriri em Tribuna Livre
07/12 - Vereador Orivaldo da Farmácia quer asfalto em toda a Região Sul
07/12 - Projeto do Executivo de descontos a contribuintes para pagamento à vista é aprovado no Legislativo
07/12 - Toninho de Souza articula reunião, vereadores e secretários da prefeitura recebem representantes de camelôs
07/12 - Vereadores ignoram pareceres técnicos de Bussiki e aprovam descontos em dívidas com a prefeitura
06/12 - "Lugar de Food Truck" é na rua", é a proposta dos empresários desse segmento em Cuiabá
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:30hs às 13:30hs.