Início
NOTÍCIAS
15/05/2019
Bussiki homenageia famílias por atitude adotiva
Caroline De Vita/Secom MT
Famílias adotantes e pessoas que contribuem para o fortalecimento do ato de amor que é adotar foram homenageadas pelo vereador Marcelo Bussiki (PSB) durante uma sessão solene nessa terça-feira (14), em celebração ao Dia Nacional da Adoção, comemorado no dia 9 de maio.

Foram homenageadas 35 pessoas e empresas que, simbolicamente, representaram a todos que auxiliam no fortalecimento da rede de apoio à adoção em Cuiabá. Elas receberam uma Moção de Aplausos como agradecimento e valorização do ato de amor, generosidade e força que é a adoção.

Para Bussiki, foi uma importante oportunidade não apenas de reconhecer o trabalho desenvolvido, como também de incentivar a adoção.  Em Mato Grosso existem hoje 119 crianças à espera de uma família, de acordo com dados do Cadastro Nacional de Adoção.

“Queremos aqui homenagear todos os atores desse processo, os conselhos e todo mundo que faz parte dessa rede. É uma data de reflexão, em que podemos trazer esse tema em debate. Nós queremos reconhecer as pessoas que trabalham em prol da adoção, mesmo que seja com essa simples homenagem”, disse o vereador.

Uma das homenageadas foi a primeira-dama de Mato Grosso, Vírginia Mendes, que foi adotada quando pequena e que, já adulta, também adotou sua filha mais nova, Maria Luísa.  “Não há prova de amor maior do que a adoção. Ela chegou para a gente depois de cinco anos de espera e eu estava recém-operada. (...) Antes de ser casada eu já pensava nisso: vou ter dois filhos e o terceiro vou adotar e, graças a Deus, meu pensamento se concluiu”, disse.

Vírginia, que também é madrinha afetiva da Associação Mato-grossense de Pesquisa e Apoio à Adoção (Ampara), destacou o quão é sortuda por ser mãe adotiva. “A minha família teve muita sorte de ela estar com a gente hoje, pois é uma menina abençoada, amorosa e carinhosa. Acho que todo mundo deveria sentir como é ser mãe de uma criança adotiva. Aliás, nem é uma criança adotiva. Ela é minha e ninguém toma. Não existe um amor maior do que o amor por adoção”.

A presidente da Ampara, Lindacir Rocha, destacou a importância do papel de todos – Poder Público, Judiciário, Defensoria Pública, Ministério Público, empresas, igrejas, voluntários e todos os cidadãos – que colaboram para que as crianças possam ter uma nova família, receber o amor que merecem e se curarem da dor de terem sido deixadas.

“É dia de festa. Aqui estão reunidos todos que têm atitude adotiva, que é acolher, amar e aceitar o diferente sem discriminação. Obrigada, Virginia, nossa madrinha afetiva. Obrigada Marcelo Bussiki por ser da nossa família adotiva. Quando Marcelo Bussiki soube do nosso trabalho voltado à família, ele nos procurou e vários projetos têm feito, colaborando com a Ampara e com a adoção. Obrigada vereador. A Ampara não teria tantos resultados se não fosse por você e por todos nós que estamos aqui”.

Lindacir destacou ainda a importância de se adotar. “O filho biológico ama-se porque é filho. O filho adotivo é filho porque se ama. É um amor que antecede, aquilo que nos motiva a ajudar cada ser humano a encontrar o verdadeiro amor, que é um amor de mãe e pai. Muito obrigado a todos vocês. Viva a adoção”, afirmou.

Também foram homenageadas a secretária de Estado e Assistência Social e Cidadania (Setasc), Rosamaria Carvalho, a juíza da Vara Especializada da Infância e Juventude de Cuiabá, Gleide Bispo Santos, o juiz da Infância de Várzea Grande, Carlos José Rondon Luz, entre outras pessoas.

Projetos e leis –  Ainda durante a sessão, Bussiki lembrou das leis aprovadas e dos projetos apresentados ao longo de seu mandato para garantir o fortalecimento da rede da adoção em Cuiabá. Entre eles está a implementação da Semana da Adoção na Capital e a instituição de licença para pais adotantes, que seja semelhante à licença-maternidade, por exemplo.

Bussiki também destinou R$ 40 mil de emenda parlamentar à estruturação da Ampara, além de propor uma emenda ao Plano Plurianual para criar um programa de incentivo à adoção, com o objetivo de fortalecer o trabalho voltado às famílias interessadas em adotar.

“Tive a honra de me sentir dentro da causa a partir do momento em que comecei a conversar sobre a adoção. É importante a Câmara de Cuiabá entrar nesse cenário. Por isso, apresentei projetos para criar políticas públicas voltadas à adoção. Queremos ser incentivadores, para que outras cidades possam criar essas políticas e elas se tornem políticas de Estado e não de gestão ou mandato”, encerrou.

Karine Miranda | Assessoria Vereador Marcelo Bussiki



Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
23/05 - Alunos de escola municipal visitam o Parlamento Cuiabano
23/05 - Projeto que cria cartão de vacina digital está em tramitação na Câmara
23/05 - Jovens em situação de vulnerabilidades sociais, são acolhidos por Instituto
23/05 - Comissão de Saúde emite parecer favorável a um projeto
23/05 - Câmara aprecia três mensagens do Executivo na sessão desta quinta (23)
23/05 - Saad emplaca três projetos de lei na sessão desta quinta (23)
23/05 - Vereadores querem mais transparência na aplicação de recursos
23/05 - Projeto que cria cartão de vacina digital está em tramitação na Câmara
23/05 - Vereadores pedem ajuda do Ministério Público para garantir licitação do transporte coletivo
23/05 - Jovens em situação de vulnerabilidades sociais, são acolhidos por Instituto
22/05 - Câmara realiza audiência pública sobre a acessibilidade das pessoas com deficiência
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:00hs às 18:00hs.