Início
Por Dentro da Câmara
26/06/2017
Amaamt realiza exposição de arte e artesanato na Câmara de Cuiabá
Secom/Câmara de Cuiabá
Da esquerda à direita. Sônia Vieira, Raphael EkhiriuWina, Maria Aparecida, José Mílton e Carlão Baquite
A Associação Matogrossense de Arte, Artesanato e Mototurismo (AMAAMT) realizará uma exposição no saguão da Câmara, que irá acontecer do dia 27 ao dia 29, das 07h:00 às 13h:30 A ação é promovida pela Amaamt e tem o apoio da Coordenadoria de Cultura e Resgate Histórico (CCRH) da Câmara. Para o coordenador da CCHR: “a exposição é uma oportunidade tanto para os expositores que terão espaço para apresentarem seus produtos, quanto para os servidores e a sociedade cuiabana, pois esses terão acesso aos produtos de vários artistas e artesãos os quais contribuem com seus ofícios com a arte popular no município e no Estado.

Serão expostos acessórios feitos de capim dourado, sementes de buriti, adornamento de chinelos, artesanatos indígenas, produtos relacionados à cultura do motorismo, dentre os outros produtos. Compareceram à Câmara os seguintes integrantes da Comissão Organizadora que farão a exposição que, além disso, são artesãos: Antônio Carlos Almeida Rios, mais conhecido como Carlão Baquite, Sônia Vieira, Raphael Ekhiriu Wina, Maria Aparecida e José Mílton.

Para Carlão Baquite o espaço e o apoio da câmara: “é uma oportunidade não só de vender, mas também de divulgar o artesanato que tem, principalmente, a cara de Mato Grosso”.  Ao falar do trabalho da Amaamt e dos artesãos, Baquite reflete: “Nós não trabalhamos com reducionismos, nosso trabalho é holístico e dentro desse prisma é que nós estamos tornando a Amaamt um espaço para artesão sem espaço, mas isso não significa que ela é reducionista porque nós, inclusive, já estamos recebendo e aceitando artesãos de qualquer associação, de Cuiabá, de Várzea Grande, de Rondonópolis, de Aldeias... Nosso trabalho é junto às famílias e às comunidades. A arte não tem barreiras, ela tem fronteiras, porque nós atravessamos as fronteiras com a arte, mas as barreiras a gente quebra”.

A Amaamt é uma associação que busca ser um suporte aos artesãos e artistas no município e no Estado de mato grosso e à sua criação se deu seu em virtude das poucas oportunidades que a arte popular tem tido no âmbito cultural de nosso município. Isso se que percebe nas poupas exposições desse gênero em nossa cidade, dentre outras premissas, a Amaamt considera em sua arte o respeito ao meio ambiente, a recuperação deste e a minimização dos efeitos da degradação ambiental ao usar como matérias-primas produtos recicláveis para confecção de suas artes.

Sônia Vieira falou sobre a vitrine que é expor seus produtos na Câmara, visto que há poucos espaços destinados a arte popular. Nesse mesmo contexto Raphael EkhiriuWina, índio da etnia terena, esclarece que “normalmente as pessoas vão às aldeias para fazer turismo e é só aí que temos a chance de comercializar, fora isso, são muito poucos os eventos em MT que possibilitam mostrar a cultura indígena, não só do meu povo, mas também de outros povos, então muitas vezes aquele artesão faz o artesanato que fica ali guardado e só será vendido quando alguém chegar à aldeia. Isso inviabiliza o desenvolvimento e o crescimento das artes dos povos indígenas, prejudicando uma interação sociocultural que tem o poder de debelar preconceitos, unir os povos e humanizar os corações que perderam a humanidade.

O parlamento municipal tem buscado nessa gestão apoiar artistas, artesãos e microempreendores, entre outros seguimentos da sociedade, oportunizando acesso aos seus espaços. Nesses seis primeiros meses já ocorreram mais de 20 exposições. Para Justino Malheiros, presidente do parlamento municipal. “Apoiar e incentivar a cultura popular e local é fundamental para o município, pois a cultura torna-nos mais humanos, mais compreensivos e mais tolerantes às diferenças, não há como pensar em uma sociedade justa sem que seja dado o devido valor às culturas de todos os povos, respeitando ao meio ambiente e por conseguinte a todos nós”.

Maria Aparecida trabalha com capim dourado e também será uma das expositoras, para ela: “o interessante e o que queremos é que as pessoas vejam nossos trabalhos e valorizem o artesanato, ninguém melhor que nós para falar de nossa história e nossa relação com a arte”, já para José Mílton “a oportunidade que nós estamos tendo aqui é tão louvável, pois através disso poderá abrir muitas portas para gente, além disso teremos a chance de mostrar a história do artesanato por exemplo, muitas pessoas não a conhecem,  por conta da indústria, que muitas vezes polui o meio ambiente. Nossa arte e nosso pensamento vai contra isso, buscamos oferecer um produto de qualidade, com história e que não agrida o meio ambiente.

Secretaria de Comunicação


Fotos Relacionadas

Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
11/06 - Audiência Pública para discutir as obras do novo PS
22/05 - Emanuel Pinheiro assina decreto que regulamenta "Lei da ruas sem saída"
14/05 - Câmara realiza Sessão Solene em homenagem aos garis
11/05 - Adoção: um gesto de amor
08/05 - Câmara de Cuiabá com feira artesanal
02/05 - Reformulação do plano diretor e regulamentação de uso foram algumas das principais temáticas debatidas durante audiência pública sobre o Centro Histórico de Cuiabá
26/04 - Vereador cobra respostas sobre abandono do Parque Tia Nair e pede fim de contrato da empresa que detém concessão
25/04 - Convite da Transmissão de Função de Chefe de Estado Maior do Comando Geral da PMMT
17/04 - Neste dia (19), a Câmara de Cuiabá agraciará com Título de Cidadão Cuiabano várias personalidades aqui residentes
11/04 - Nota de Pesar
10/04 - Documentário Moisés Martins será lançado no próximo dia 20, no Cine Teatro Cuiabá
02/04 - Casas terapêuticas
28/03 - Câmara de Cuiabá deseja boa semana santa a sociedade cuiabana
20/03 - Câmara de Cuiabá realiza sessão solene para homenagear entidades que cuidam das pessoas com Síndrome de Down
16/03 - Justino Malheiros manifesta preocupação com a infestação de pombos no município
15/03 - Toninho de Souza viabiliza melhorias para os bairros Coophamil e 8 de Abril
15/03 - Na Tribuna Livre da Câmara de Cuiabá, Luciano Marcelo de Campos, fala sobre o combate as pragas urbanas
13/03 - Escritor cuiabano, José Tenuta, discorre na Tribuna Livre do Parlamento da Capital sobre importância a preservação cultural
09/03 - Vereador Orivaldo solicita obrigatoriedade do farmacêutico na dispensação de medicamentos na saúde pública
06/03 - DIA INTERNACIONAL DA MULHER | ANA MARIA DO COUTO: MULHER
SESSÃO AO VIVO
INFORMES

Câmara Municipal de Cuiabá - Praça Moreira Cabral
Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Todos os direitos reservados © 2013 - Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:30hs às 13:30hs.