Início
NOTÍCIAS
18/06/2013
Vereadores analisam movimentos no País e alertam para coisa pior
Os vereadores Onofre Júnior, PSB, 1º vice-presidente da Câmara Municipal de Cuiabá, e Ricardo Saad, PSDB, externaram preocupação diante das manifestações que o País tem registrado nos últimos dias, com maior massificação ontem à noite nas principais capitais. Algumas, que foram iniciadas em clima pacífico, terminaram em confronto direto com a Polícia, além de depredações em imóveis públicos e privados. "Isso nos deixa apreensivos", disse Onofre. "As vaias sofridas pela presidenta Dilma, na abertura da Copa das Confederações, sinalizam um momento delicado e de futuro imprevisível".
 
Ao reduzir a tarifa do transporte público, na análise de Onofre, o prefeito Mauro Mendes marcou um gol. "Talvez ele tenha se sensibilizado pelos movimentos que eclodiram ruidosos em várias capitais do País, tendo como pano de fundo a reivindicação de redução de R$ 0,20 centavos. Na realidade, os manifestantes questionam os investimentos bilionários em relação à Copa 2014, em detrimento de outros setores importantes da sociedade, a exemplo da Saúde, Segurança Pública, Habitação, Educação, etc. Alguma coisa está acontecendo na voz louca das ruas. Cabe à classe política refletir sobre isso, sob pena de também nos tornarmos alvos. A Assembleia do RJ foi depredada".
 
Maurélio Ribeiro, PSDB, 1º secretário, cumprimentou seus colegas que lutaram pela redução da tarifa do transporte público. "Vamos aproveitar que o prefeito se sensibilizou e pedir a volta dos cobradores. Agora, quanto ao movimento que temos assistido nacionalmente, ele é pela democracia. E ficou externado que o Brasil não está preparado para esse tipo de movimento, pois vários abusos têm sucedido de ambos os lados. O que se viu ontem no Palácio dos Bandeirantes e na ALRJ é lamentável. O governo tem que ter autoridade, até mesmo para reprimir com truculência ações de vandalismo e outras. A verdade é que o povo não está satisfeito".
 
O vereador Ricardo Saad, PSDB, emendou que o descontentamento nacional é em função do caos reinante na Saúde, Educação e em outros setores básicos. Citou que muitos gestores não cumprem corretamente suas atribuições, e uma delas reside no atraso de repasses de recursos federais do SUS às unidades hospitalares que atendem pelo sistema. "É verba carimbada, específica, do Ministério da Saúde".
E ainda que parabenizasse o prefeito Mauro Mendes pela inauguração da UPA - Unidade de Pronto Atendimento do Morada do Ouro, Saad alertou que ela precisa de especialistas "dentro das diversas especialidades ofertadas, para se ter resolutividade".

João Carlos Queiroz Secom/Câmara



Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
09/08 - Artistas recebem Títulos de Acadêmicos Efetivos da ACILBRAS durante 3º Sarau Cuiabano
09/08 - Vereadora, movimentos e pacientes pressionam contra fechamento de unidade do SAE do bairro CPA I
09/08 - Câmara aprova projetos e pareceres na sessão desta terça
08/08 - Câmara realiza segunda edição da campanha Boa Ação é Doação
08/08 - Escola do Legislativo da Câmara de Cuiabá faz balanço das ações realizadas no 1º semestre de 2022
05/08 - Campanha Boa Ação é Doação arrecada leite materno capaz de alimentar centenas de bebês
04/08 - CCJR analisa sete processos durante reunião realizada nesta quinta-feira
04/08 - Programa Corrente do Bem realizado pela PM foi tema da tribuna desta quinta
04/08 - Câmara aprova requerimentos, Projetos de Lei e pareceres na sessão desta quinta
03/08 - Nota de pesar | Gládius César
02/08 - Nota de pesar | Adriana Catelli
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:00hs às 18:00hs.