Início
NOTÍCIAS
13/02/2019
Após intervenção de Toninho de Souza, famílias irão permanecer em área que será legalizada
”As famílias ocupam 30% da área há mais de 12 anos, estamos fazendo um acordo para que elas permaneçam no local e ajudem a preservar os outros 70%, que não deixem mais ninguém invadir e ajudem a plantar árvores no entorno”.

Na manhã desta terça-feira (12), 60 famílias que residem em uma área verde há mais de 12 anos, ao lado do Residencial Sonho Meu, no bairro Pedra 90, vieram até a Câmara Municipal de Cuiabá para uma reunião alinhada pelo vereador Toninho de Souza (PSD), com o objetivo de buscar soluções para o impasse relacionado à notificação de despejo das famílias. No último domingo o parlamentar esteve no bairro e acompanhou de perto a angústia das famílias que estavam desesperadas por terem que deixar suas residências.

Por intermédio do parlamentar e em conversa com a presidência da Câmara, a reunião com a presença do secretário municipal de Ordem Pública, Leovaldo Sales e do secretário municipal de Habitação e Regularização Fundiária Air Praeiro Alves, foi marcada e deste encontro ficou acertado que as famílias irão permanecer no local.

“As famílias tiveram hoje nesta reunião a garantia da Prefeitura de Cuiabá, por meio dos secretários presentes, que irão permanecer no local. Elas já haviam sido notificadas pela secretaria de Ordem Pública para deixarem suas residências, e em uma intermediação nossa, e com a participação da Câmara de Cuiabá, estas famílias receberam hoje a garantia de que poderão ficar no local. Isso poderá ser trabalhado por meio de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC). As famílias estão em uma área verde há cerca de 12 anos, é um direito adquirido, elas ocupam 30% da área. Estamos fazendo um acordo para que elas permaneçam no local e ajudem a preservar outros 70%, que não deixem mais ninguém invadir e ajudem a plantar árvores no entorno”, explicou o parlamentar.

Toninho de Souza lembrou ainda que não é a favor de invasões de terra, que trabalha somente com o que é legal. “De maneira alguma nós estamos aqui incentivando invasões de terra, estamos aqui trabalhando naquilo que é consolidado, trabalhamos de forma responsável, lutando pela moradia digna e correta para o cidadão”, finalizou o parlamentar.

O secretário Municipal de Ordem Pública, Leovaldo Sales, falou sobre a importância destes alinhamentos entre os poderes. “A Câmara age de maneira muito democrática quando convida o poder executivo e a comunidade para discutirem assuntos que podem ser resolvidos por meio do diálogo, e neste diálogo encontrarmos uma solução para diminuir a angústia e sofrimento da comunidade. Invadir área de qualquer espécie, é um ato nocivo, não é permitido. Em relação a esse caso, vamos trabalhar dentro do que manda a Lei, uma situação que já aconteceu há muito tempo, está lá consolidada, o poder público terá que olhar para este cenário e ver a possibilidade da legalização”.

Assessoria de Imprensa
Verônica Rakel


Imprimir Voltar Compartilhar:  




+ Notícias
08/08 - Nota de Pesar | Bispo Dom Pedro Casaldáliga
07/08 - CPI do Saneamento prossegue com oitivas nesta sexta
07/08 - Vereador Abilio homenageia a Polícia Militar pelos 13 anos da Coordenadoria de Assistência Social
07/08 - Projeto aprovado em sessão homenageia líder comunitária do 1º de Março
07/08 - Sala da Mulher entrega kit combate covid-19 para área da limpeza
07/08 - Nota de Pesar| Laurice de Souza da Silva
06/08 - Vereadores aprovam e Juca do Guaraná será homenageado com nome em viaduto
06/08 - Misael Galvão reúne com secretários e intermédia retorno do asfalto do Altos da Serra II
06/08 - Vereadores aprovam sete decretos legislativos
06/08 - Viaduto da Avenida das Torres receberá o nome de Juca do Guaraná
SESSÃO AO VIVO
INFORMES
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT - CEP 78020-010 - Fone: (65) 3617-1500
Desenvolvimento: Secretaria de Comunicação - Todos os direitos reservados © 2018
O horário de atendimento ao público é de segunda a sexta-feira das 7:00hs às 18:00hs.